100%

Vereadora propõe desburocratização de exames de audiometria

Vereadora propõe desburocratização de exames de audiometria Maria Tereza Capra alertou para realização de exames de audiometria para alunos da Apas
A Câmara de São Miguel do Oeste aprovou nesta quinta-feira (9) uma indicação de Maria Tereza Capra (PT) solicitando ao prefeito e ao secretário municipal de Saúde que sejam desburocratizados os pedidos de exames de audiometria para os alunos da Associação de Pais e Amigos dos Surdos (Apas). Ela pede também que os exames sejam realizados semestralmente. A indicação foi aprovada por unanimidade dos vereadores presentes.

Maria Tereza ressalta que a audiometria tem como objetivo avaliar a capacidade do paciente de ouvir e interpretar sons. “Através do exame detectam-se possíveis alterações auditivas e permite orientar o paciente sobre as medidas preventivas ou tratamentos mais adequados para cada caso”, explica a vereadora, lembrando que o exame deve ser realizado por um fonoaudiólogo.

“Os alunos da Apas necessitam realizar o exame de audiometria a cada seis meses, e este processo acaba sendo bem difícil, uma vez que cada aluno precisa solicitar o encaminhamento do exame pelo médico do ESF, o que causa grande transtorno, pois muitas vezes se faz necessária a presença de um profissional da Apas durante a consulta. Outro problema é o tempo de toda a burocracia e até a realização do exame”, expõe a vereadora.

OBRAS PÚBLICAS

Outras indicações aprovadas na Câmara trataram de pedidos de obras públicas. Uma das proposições é de Carlos Grassi (PP), que solicita a recuperação da pavimentação da Rua Guanabara, no trecho entre as ruas Padre Aurélio Canzi e Quinze de Novembro. Conforme Grassi, a pavimentação dessa rua é de lajota sextavada. “Com o passar do tempo as lajotas começaram a rachar e soltar pedaços, dificultando o tráfego de pessoas e veículos, podendo causar acidentes”, justifica o vereador. O pedido será enviado ao prefeito e à secretária de Planejamento.

Odemar Marques (PDT) solicitou a implantação de passeio em frente à Escola Municipal Infantil José Veronese, no Bairro São Jorge. O vereador ressalta que a falta de passeio dificulta a entrada de pais, crianças e servidores até a sala de aula. “Uma calçada considerada adequada é aquela que garante o caminho livre, sem obstáculos e confortável para todos”, ressalta o vereador.

Vanirto Conrad (PDT) indicou à Administração Municipal que estude a viabilidade de construir uma academia popular no Bairro Morada do Sol, e outra no Bairro Salete. O vereador ressalta que a prática de esportes e atividades físicas contribui para o bem-estar da população. Ele afirma também que a instalação de academias oferece locais adequados para as atividades recreativas.

Notícias

Câmara vota projeto de lei e vereadores apresentam indicações de obras e serviços

Vereadores aprovam projetos e indicam obras e serviços ao Executivo

Construção de casa de passagem, crianças em risco e respeito à cultura são temas debatidos em audiência pública

Audiência pública vai debater situação de famílias indígenas

Vereadores debatem mão única e propõem alterações no trânsito

Vereadora propõe ensino de Libras na rede municipal

Pedidos de obras no interior são aprovadas na Câmara

Vereadores prestam homenagem aos 12 anos da Lei Maria da Penha

Vereadora propõe desburocratização de exames de audiometria

Rua no Bairro Agostini receberá o nome de Selvino Alfredo Simon