100%

Rua no Bairro Agostini receberá o nome de Selvino Alfredo Simon

Rua no Bairro Agostini receberá o nome de Selvino Alfredo Simon Carlos Grassi propôs projeto de lei que homenageia Selvino Simon com nome de rua
Os vereadores de São Miguel do Oeste aprovaram em primeiro turno, nesta quinta-feira (9), projeto de lei de autoria de Carlos Grassi (PP) que denomina de Selvino Alfredo Simon a Rua Projetada E, localizada no Loteamento Eduardo Agostini II, no Bairro Agostini. O homenageado nasceu em 1925 em Caxias do Sul, filho de Henrique Francisco Simon e Rosalina Simon. Casou-se em 1947 com Irmgardt Schneider e, com ela, fixou residência em Carazinho, onde exercia a profissão de carpinteiro.

Nesta atividade, Selvino prestou serviços a Alberico Azevedo, que tinha uma colonizadora em São Miguel do Oeste. Em 1960 Selvino e Irmgardt mudaram-se para São Miguel junto dos filhos Abílio e Elena, e na Rua Quinze de Novembro fixaram residência. A família dedicava-se ao plantio e venda de verduras, e também à construção de obras em madeira. Uma delas foi a parte antiga do Hospital São Miguel, no qual Selvino Simon foi o responsável pela colocação do forro e assoalho de madeira. Além disso, o casal sempre teve participação ativa na Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de São Miguel do Oeste.

Após parar com a atividade de carpinteiro, Selvino Simon mudou-se para a Avenida Getúlio Vargas, próximo à esquina da Rua Marquês do Herval, onde instalou um pequeno mercado para comercialização de produtos coloniais e de frutas, especialmente maçã, banana e coco. Em 1966 passou a residir em uma chácara onde hoje está a Rua Flores da Cunha, no Bairro São Luiz. Lá dedicou-se ao plantio e comercialização de hortaliças, frutas e verduras, que eram vendidas a domicílio utilizando como meio de transporte inicialmente uma charrete com cavalo e posteriormente um Jeep.

Antes do seu falecimento, em 24 de maio de 1987, com 61 anos de idade, Selvino Alfredo Simon já havia loteado parte da chácara, cujos lotes estão situados nas ruas Flores da Cunha, Florianópolis, Tiradentes, 22 de Abril e Santa Catarina, e fazem parte dos Bairros São Luiz e Jardim Peperi. A esposa Irmgardt faleceu em 29 de janeiro de 2008, com 80 anos de idade. O casal teve quatro filhos: Abílio e Elena, nascidos em Carazinho, e Ivanor e Eliza, nascidos em São Miguel do Oeste.

PROJETOS EM SEGUNDA VOTAÇÃO

Na sessão os vereadores também aprovaram dois projetos de lei em segundo turno. Um é o PL 74/2018, de autoria de Vagner Passos (PSD), que denomina de Raimar Dieter Staats a Rua Projetada A, localizada no Loteamento Progresso. O outro é o PL 78/2018, de autoria de Cássio da Silva (MDB), que institui o mês “Setembro Amarelo”, dedicado à realização de campanha de prevenção ao suicídio no âmbito do município de São Miguel do Oeste. Os projetos estão disponíveis na íntegra no site da Câmara de Vereadores: www.saomigueldooeste.sc.leg.br.

Notícias

Câmara vota projeto de lei e vereadores apresentam indicações de obras e serviços

Vereadores aprovam projetos e indicam obras e serviços ao Executivo

Construção de casa de passagem, crianças em risco e respeito à cultura são temas debatidos em audiência pública

Audiência pública vai debater situação de famílias indígenas

Vereadores debatem mão única e propõem alterações no trânsito

Vereadora propõe ensino de Libras na rede municipal

Pedidos de obras no interior são aprovadas na Câmara

Vereadores prestam homenagem aos 12 anos da Lei Maria da Penha

Vereadora propõe desburocratização de exames de audiometria

Rua no Bairro Agostini receberá o nome de Selvino Alfredo Simon