100%

Cláudio Barp pede corte de galhos de árvores que atrapalham rede elétrica

Cláudio Barp pede corte de galhos de árvores que atrapalham rede elétrica Moção de Cláudio Barp pede o corte de galhos próximos à rede elétrica
O vereador Cláudio Barp (PMDB) apresentou uma moção de apelo nesta quinta-feira (17) solicitando à Celesc e à Prefeitura que realizem um estudo em São Miguel do Oeste para identificar onde os galhos de árvores atrapalham a rede de energia elétrica e posteriormente façam o corte dos galhos. Conforme Barp, em determinados pontos da cidade o mato e as árvores frondosas estão invadindo as ruas e afetando a rede de energia elétrica, “provocando sérios prejuízos, como danos em aparelhos elétricos e colocando em risco as residências próximas”.

O vereador relata que a cada chuva com vento ocorrem quedas de energia em vários pontos da cidade, mas que providências não estão sendo tomadas. A proposição foi aprovada por unanimidade e será enviada ao prefeito, ao coordenador da Defesa Civil, ao gerente da Celesc e ao promotor de Justiça da Comarca de São Miguel do Oeste.

INTERNET MÓVEL

Cássio da Silva (PMDB) apresentou uma moção de apelo solicitando às empresas operadoras de telefonia celular – TIM, Claro, Oi e Vivo – que analisem a viabilidade de providenciar a ampliação de sinal 3G de internet para 4G no município de São Miguel do Oeste, com o objetivo de melhorar a qualidade do sinal de internet móvel. Conforme Cássio, a qualidade da internet oferecida pelas empresas é insatisfatória, o que causa transtornos e prejuízos aos consumidores. “O sinal existente atualmente, 3G, está defasado em comparação aos novos serviços oferecidos pelo mercado”, reclama Cássio. A moção será enviada aos diretores das empresas de telefonia.

LIXEIRAS E ROTATÓRIA

Maria Tereza Capra (PT) solicitou ao Executivo que providencie a diminuição da altura das novas lixeiras instaladas recentemente. Segundo a vereadora, o pedido foi feito por coletores de materiais recicláveis e cidadãos em geral. “Os coletores têm que se debruçar na lixeira para alcançar os materiais, tornando a coleta difícil e ainda podendo trazer prejuízos à saúde desses coletores”, justifica.

Outra indicação foi proposta por José Giovenardi (PR) e pede a instalação de uma rotatória na interseção das ruas XV de Novembro e Castelo Branco, no Centro. Segundo Giovenardi, devido ao intenso movimento de veículos e pedestres, a rotatória é necessária para proporcionar segurança e conforto a todos que utilizam essas ruas. O pedido será encaminhado ao prefeito e ao presidente do Cotrasmo.

ACADEMIA DE LETRAS

Elias Araújo (PSD) propôs ao diretor da Funcultura que retome o projeto que cria a “Academia Miguel-Oestina de Letras e Literatura”. Segundo Elias, uma academia de letras é a maior referência no mundo cultural de uma cidade, de um estado e de um país, pois simboliza o fundamento cultural de um povo. “Ela tem o privilégio de apontar aspirações e de estimular o desenvolvimento da literatura, além de premiar os méritos dos seus mais destacados estudiosos das letras”, justifica Elias. “Tudo que uma geração deixa é comunicado à geração seguinte, e a literatura é, sem dúvida, um dos veículos mais primordiais para eternizar nossa história, pois de todas as formas de arte, a literatura é a mais próxima do cotidiano das pessoas”, acrescenta o vereador.

SANEAMENTO BÁSICO

Outra indicação foi proposta por Vagner Passos (PSD) e solicita ao secretário da Fazenda e Administração que informe se foram repassados valores à Universidade do Oeste de Santa Catarina para elaboração/execução do Plano de Saneamento Básico de São Miguel do Oeste, e, em caso positivo, quais foram os valores.

BEBEDOUROS PARA GADO

Outra proposição votada na sessão é uma moção de apelo de Vanirto Conrad (PDT). O vereador solicita ao Executivo Municipal que, em parceria com o Governo do Estado, crie um programa para construir açudes e bebedouros para gados, bem como a limpeza daqueles existentes. Segundo o vereador, o programa deve apoiar iniciativas sustentáveis, pois estimula o produtor a investir em captação, armazenagem e utilização da água sob várias formas na propriedade rural, e ainda reduzir os efeitos das secas que atingem os produtores rurais. “Estes fatores permitirão o aumento da produtividade, da renda e a fixação do produtor no campo”, enfatiza Vanirto. A moção será enviada ao prefeito, ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e ao secretário de Estado da Agricultura e Pesca.

A próxima sessão da Câmara será no dia 22 de agosto, às 20h.

Notícias

Autoridades apontam problema cultural como uma das causas do alto índice de casos de violência contra a mulher

Vereador sugere que paradas de ônibus exibam horários e itinerários

Câmara aprova criação de loteamentos, remanejamento de recursos e outros projetos do Executivo

Câmara promove hoje audiência pública sobre violência contra a mulher

Vereadores Mirins de São Miguel do Oeste serão diplomados na próxima segunda

Por unanimidade, Câmara aprova Orçamento de 2018 em 2ª votação

Câmara de Vereadores aprova projetos do Orçamento para 2018

Vereadores pedem reparos em ruas e instalação de lombadas

Vereadores aprovam alterações nas leis da Semana das Etnias e da Semana da Consciência Negra

Câmara inicia votação dos projetos do Orçamento nesta semana